Pastor condenado por conceder asilo religioso na Alemanha

“Quando eu olho nos olhos de alguém que fala comigo sobre sua dor, então eu tenho que agir. É minha fé que estou tentando viver. Eu prego sobre o amor dos meus inimigos e do meu próximo todos os domingos, então minhas ações devem seguir minhas palavras. "

Na Alemanha, o tribunal de Bayreuth condenou o pastor na segunda-feira Stefan Schörk pena de 2 anos de liberdade condicional e multa de 1500 euros por “auxílio e incentivo à permanência ilegal sem autorização de residência”.

Stefan Schörk havia concedido asilo religioso a uma jovem iraniana que seria separada de sua família e enviada de volta para a Grécia. O tribunal decidiu que, se o estado não concedesse asilo, ninguém poderia.

O pastor afirma ter agido de maneira cristã. Segundo ele, o asilo religioso existe e não deve ser criminalizado.

“Quando eu olho nos olhos de alguém que fala comigo sobre sua dor, então eu tenho que agir. É minha fé que estou tentando viver. Eu prego sobre o amor dos meus inimigos e do meu próximo todos os domingos, então minhas ações devem seguir minhas palavras. "

Se, durante esses dois anos, o pastor não cometer novas ofensas, sua sentença será suspensa. Stefan Schörk teria dito que queria apelar desse veredicto.

MC

Crédito da imagem: Giannis Papanikos / Shutterstock.com / Jovens refugiados num campo de migrantes na Grécia em Idomeni agitam uma bandeira alemã para pedir à União Europeia que abra as suas fronteiras.

© Info Chrétienne - Reprodução parcial autorizada seguida de um link "Leia mais" para esta página.

APOIE A INFORMAÇÃO CRISTÃ

Info Chrétienne por ser um serviço de imprensa online reconhecido pelo Ministério da Cultura, a sua doação é dedutível no imposto de renda em até 66%.