Editorial de Camille de 18 de novembro: Mobilizado pelo Líbano

Já o tínhamos convidado a se mobilizar pelo Líbano neste verão por ocasião do nosso Campanha de medicamentos SOS para o Líbano, a fim de arrecadar medicamentos para a Terra do Cedro.

Desta vez, apresentamos a iniciativa da organização Um copo d'água comprometido com o libanês ao lado de homens e mulheres que atuam no terreno.

Enquanto o Líbano entra em depressão econômica cada vez mais profunda, a Un Verre d'Eau está se mobilizando para mudar o destino de 10 famílias no Líbano. Para saber mais, visite o site InfoChrétienne.

As notícias de hoje nos convidam a olhar para a situação de outro país do Oriente Médio em crise, o Iraque.

Desde as eleições legislativas de 10 de outubro, a nação iraquiana caiu no caos. Neste contexto de crise, os apelos da Igreja Caldéia para um “diálogo nacional sincero e corajoso”.

“Se não emergirmos rapidamente do caos em que a nação iraquiana mergulhou após as eleições gerais de outubro, o país enfrentará o 'pior', e todos nós sabemos que o Iraque não aguentará mais. "

É também um apelo à mobilização lançado por Jean-François Mouhot d'A Rocha França, uma associação cristã dedicada à proteção do planeta.

No rescaldo da COP26, considerada por muitos como um fracasso, ele nos lembra que há motivos para nos revoltarmos contra a inércia e injustiça dos poderosos do mundo.

Ele diz, “não fazer nada hoje sobre as mudanças climáticas, dizer ou deixar que digam que não é realmente um problema, ou que não é um problema que preocupa os cristãos, é não perceber a profunda injustiça das mudanças climáticas”.

Finalmente, o editorial do dia conclui com um caso sobre a liberdade religiosa dos condenados à morte nos Estados Unidos. que atualmente mobiliza o Supremo Tribunal Federal.

João Henrique Ramírez, condenado à morte no Texas, foi concedido um indulto em setembro passado. Atraso obtido graças a seu advogado, Seth Kretzer, que argumentou que o estado violou a liberdade religiosa de seu cliente ao não permitir que o pastor que o acompanhou por vários anos impusesse as mãos sobre ele no momento de sua injeção letal.

Na terça-feira, 9 de novembro, os juízes da Suprema Corte consideraram seu pedido e pareceram divididos. Seu veredicto é esperado em 2022.

Camille Westphal Perrier

 

© Info Chrétienne - Reprodução parcial autorizada seguida de um link "Leia mais" para esta página.

APOIE A INFORMAÇÃO CRISTÃ

Info Chrétienne por ser um serviço de imprensa online reconhecido pelo Ministério da Cultura, a sua doação é dedutível no imposto de renda em até 66%.