"Série macabra de assassinatos" na Nigéria: "O que nos resta é Deus e a esperança"

“Nossos corações estão cheios de dor, medo, amargura e decepção. O trauma, a série horrível de assassinatos, os sequestros diários, os ataques a fazendeiros e a destruição de plantações, a queima de casas, igrejas e humanos vivos, os enterros em massa são muito preocupantes. O que nos resta é Deus e esperança. "

Em 26 e 27 de setembro, vários ataques deixaram 49 mortos e mais de 14 feridos. 27 outras pessoas foram sequestradas.

Em 26 de setembro, a comunidade de Gabachuwa, no estado de Kaduna, foi alvo de agressores armados pertencentes ao grupo étnico Fulani. 27 pessoas foram sequestradas como resultado do ataque, a maioria cristãos da Igreja Evangélica Winning All, de acordo com Solidariedade Cristã no Mundo. Uma pessoa que cruzou o caminho dos agressores e abduzidos também foi morta. Um padre denuncia "Um massacre contra os nativos".

No mesmo dia, durante um ataque conjunto às comunidades de Madamai e Abun, no estado de Kaduna,  40 pessoas foram mortas, 8 outras pessoas ficaram feridas. Luka Binniyat, porta-voz da União dos Povos de Kaduna do Sul, explica:

“Enquanto chovia, eles começaram a abrir fogo ao mesmo tempo. Enquanto as pessoas corriam, eles (homens armados) atiravam. Esta tarde, 40 corpos, principalmente mulheres e crianças, foram recuperados e transportados para o necrotério do Hospital Geral Kafanchan. Os habitantes também nos disseram que os agressores eram Fulani. "

Ele também lamenta “que a polícia e a Operação Porto Seguro não tenham um simples drone para auxiliá-los na vigilância da área”, antes de acrescentar “e parece que este é o caso deliberadamente”.

Becky James contatou Notícias da Estrela da Manhã. Ela nos lembra que o que resta para os cristãos “é Deus e esperança”.

“Nossos corações estão cheios de dor, medo, amargura e decepção. O trauma, a série horrível de assassinatos, os sequestros diários, os ataques a fazendeiros e a destruição de plantações, a queima de casas, igrejas e humanos vivos, os enterros em massa são muito preocupantes. O que nos resta é Deus e esperança. "

No dia 27 de setembro, a aldeia de Kacecere, no estado de Kaduna, foi alvo de um ataque. Oito pessoas morreram, seis ficaram feridas e várias casas foram incendiadas.

MC

Crédito de imagem: ariyo olasunkanmi / Shutterstock.com

© Info Chrétienne - Reprodução parcial autorizada seguida de um link "Leia mais" para esta página.

APOIE A INFORMAÇÃO CRISTÃ

Info Chrétienne por ser um serviço de imprensa online reconhecido pelo Ministério da Cultura, a sua doação é dedutível no imposto de renda em até 66%.