Renúncia do Arcebispo de Paris, Mons. Aupetit

Após a publicação de vários artigos questionando sua vida privada e seu governo, o Arcebispo de Paris, Dom Aupetit, apresentou sua renúncia ao Papa Francisco.

Le Figaro relata que, depois de estar sob os holofotes na semana passada, Michel Aupetit, arcebispo de Paris, apresentou uma carta de renúncia ao Papa Francisco. Uma carta que, segundo a diocese, “não é uma admissão de culpa, mas um gesto de humildade, uma provisão”.

Terça-feira, 23 de novembro, uma pesquisa publicada em O Ponto sugeriu que o arcebispo de Paris, Mons. Aupetit, tinha uma vida dupla quando era vigário geral da diocese de Paris em 2012. O jornal menciona uma "relação íntima" revelada por um e-mail enviado por engano ao seu secretário da época.

Uma relação negada por Michel Aupetit entrevistado por Rádio Notre Dame. “Não mantive uma vida dupla como sugere o artigo”, afirma o prelado que admite em qualquer altura, ter “gerido mal a situação com uma pessoa que compareceu várias vezes com [ele]”. Um “erro” que ele declara ter confiado na época ao seu guia espiritual e do qual “a autoridade eclesiástica foi informada”.

Seu governo na arquidiocese de Paris também foi questionado no artigo Point, assunto sobre o qual ele também falou ao microfone da Rádio Notre Dame no sábado, 27 de novembro.

“Em questões de governança, quem trabalha comigo me disse para ficar chocado com as acusações de negligência veiculadas pelo artigo”, declarou, acrescentando que nunca toma suas decisões sozinho e que também busca conselhos de mulheres, porque sabe “o contribuição insubstituível do seu discernimento ”.

Em conclusão, o arcebispo declarou ter "no coração esta frase de Jesus quando em um ato de amor supremo deu sua vida ao pai para salvar cada um de nós" minha vida ninguém tira, sou eu que dou ' ”. “Que ele me permita servi-lo todos os dias”, continuou ele.

Camille Westphal Perrier

Crédito da imagem: Creative Commons / Wikimedia

© Info Chrétienne - Reprodução parcial autorizada seguida de um link "Leia mais" para esta página.

APOIE A INFORMAÇÃO CRISTÃ

Info Chrétienne por ser um serviço de imprensa online reconhecido pelo Ministério da Cultura, a sua doação é dedutível no imposto de renda em até 66%.