Quando o Talibã limita o acesso à mídia, "hackers cristãos" encontram soluções

No Afeganistão, "hackers cristãos" e a mídia estão se organizando para combater as restrições impostas pelo Taleban.

No Afeganistão, o Talibã impõe severas restrições à mídia e à liberdade de expressão. Segundo Patricia Gossman, da organização Relógio direito humano, "Os regulamentos do Taleban são tão drásticos que os jornalistas se autocensuram e temem acabar na prisão."

a organização Notícias da Rede Missionária afirma que 30 jornalistas já foram atacados pelo Taleban. Apesar dos perigos, o Ministério da Mídia Internacional (IMM) continua transmitindo seus programas via satélite para compartilhar o evangelho. Denise Godwin é a diretora do IMM. Ela explica que existem muitas antenas parabólicas escondidas nos telhados das casas.

“O satélite é um dos meios que não podem ser bloqueados por essas partes do mundo. Agora, pode ser ilegal possuir uma antena parabólica. Existem muitos jardins nos telhados em todo o Oriente Médio, que escondem antenas parabólicas. Os números são incríveis. "

Ela também menciona o papel dos "hackers cristãos" em face das limitações de acesso à Internet.

“Há uma organização de hackers cristãos, se preferir, que tentam colocar as coisas online novamente quando os governos as derrubam. As pessoas trabalham de maneiras diferentes. Também há entrega direta de arquivos digitais via Bluetooth. Você pode transmitir vídeos para dispositivos sem se conectar à internet. "

Segundo ela, é fundamental inovar e se adaptar. Ela diz: "É importante usar todos os meios possíveis para alcançar as pessoas."

MC

© Info Chrétienne - Reprodução parcial autorizada seguida de um link "Leia mais" para esta página.

APOIE A INFORMAÇÃO CRISTÃ

Info Chrétienne por ser um serviço de imprensa online reconhecido pelo Ministério da Cultura, a sua doação é dedutível no imposto de renda em até 66%.