"Nosso mundo inteiro desabou": duas irmãs cortaram suas gargantas e jogaram nos esgotos do Paquistão

“Nenhuma palavra é suficiente para condenar a barbárie infligida às duas inocentes. "

SAjida Mushtaq e sua irmã, Abida Qaiser, estavam desaparecidas desde 26 de novembro no Paquistão, enquanto faziam compras. Na segunda-feira, 4 de janeiro, a polícia de Lahore encontrou seus corpos, mãos e pés amarrados, em esgotos. Eles foram massacrados. Com este anúncio, o “mundo inteiro” de Mushtaq Masih, marido de Sajida, “desabou”.

Ele conta Notícias da Estrela da Manhã :

“Minha esposa sempre reclamava do assédio de seus superiores, mas ela me disse que estava lidando bem com a situação. Depois de seu desaparecimento, um parente meu nos contou que Sajida disse a ela que seus superiores, Muhammad Mumtaz e Naeem Butt, costumavam pressioná-la, assim como a Abida, para que se convertesse ao Islã e se casasse com eles. "

Iftikhar Hussain é o oficial de investigação. Ele explica :

“Durante o interrogatório, Naeem confessou que sequestraram as irmãs e, depois de mantê-las como reféns por alguns dias para satisfazer seu desejo, cortaram suas gargantas e jogaram seus corpos nos esgotos. "

Mushtaq e Sajida tiveram 4 filhos. Ele teve que ir e reconhecer os corpos de sua esposa e sua cunhada.

“Tenho três filhos e uma filha, o mais velho tem 11 anos e o mais novo 5. Abida tem apenas uma filha de 9 anos. Você pode imaginar o trauma emocional e mental que nossos filhos e todos os outros membros da família sofreram desde que Sajida e Abida desapareceram. Quando a polícia nos informou que havia identificado os dois corpos como sendo de nossos entes queridos, foi como se todo o nosso mundo tivesse desabado. Ainda não consigo descobrir o local onde vi o corpo em decomposição de minha esposa. "

O ministro das minorias e direitos humanos da província de Punjab, Ejaz Alam Augustine, pediu à polícia que punisse os responsáveis. Segundo ele, “nenhuma palavra basta para condenar a barbárie infligida às duas inocentes”.

MC

Crédito da imagem: Notícias da Estrela da Manhã

Artigo publicado originalmente em janeiro de 2021.

© Info Chrétienne - Reprodução parcial autorizada seguida de um link "Leia mais" para esta página.

APOIE A INFORMAÇÃO CRISTÃ

Info Chrétienne por ser um serviço de imprensa online reconhecido pelo Ministério da Cultura, a sua doação é dedutível no imposto de renda em até 66%.