Morre professor da Bíblia e amigo de Israel, Jean-Marc Thobois

O pastor Jean-Marc Thobois, amigo de Israel e professor da Bíblia, morreu na noite de 13 para 14 de março.

Lo pastor Jean-Marc Thobois é mort na noite de 13 a 14 de março, varrido pela coronavírus aos 75 anos. Foi sua filha quem o descobriu na manhã do dia 14, em sua casa em Arradon em Morbihan. Ao contrário de sua esposa, cujos dias não correm mais perigo, ele não foi hospitalizado.

Um grande amigo de Israel e de uma longa linha de pastores huguenotes, Jean-Marc Thobois estudou história bíblica e arqueologia na Universidade Hebraica de Jerusalém e então exerceu um ministério pastoral por quase 4 décadas. Foi em 2004 que ele iniciou o ministério itinerante que todos nós temos feito.

Mesmo que todos nos sintamos órfãos por este notável mestre, manteremos o tema profético de um de seus últimos ensinamentos sobre o livro de Ester: “Por um tempo como este”. É por um tempo “assim” que Deus colocou, desde todos os tempos e para sempre, os Seus filhos na história, para que sejam Suas testemunhas fiéis e activas. E é a todo vapor que o infatigável amigo de Israel, fundador da revista Keren Israel, foi lavado.

Ele havia contraído o coronavírus durante uma série de encontros de ensino que ministrou de 24 a 28 de fevereiro na Alsácia, sobre o tema "Novas profecias sobre os tempos do fim no livro do Gênesis". Ele “agora repousa das suas obras” (Apocalipse 14:13).

Seu filho David, residindo em Israel no Negev nos lembre que mesmo quando morreu, Jean-Marc Thobois ainda fala porque, como a Bíblia nos diz, “a memória do justo é uma bênção” (Provérbios 10: 7).

Você pode encontrar acesso gratuito em o site dele todos os seus ensinamentos, bem como um link para seu canal no Youtube.

Nenhuma informação foi divulgada pela família sobre a data do enterro, pois a notícia não permitia viagens ou reuniões.

Nicolas Ciarapica

© Info Chrétienne - Reprodução parcial autorizada seguida de um link "Leia mais" para esta página.

APOIE A INFORMAÇÃO CRISTÃ

Info Chrétienne por ser um serviço de imprensa online reconhecido pelo Ministério da Cultura, a sua doação é dedutível no imposto de renda em até 66%.