O editorial da semana de 3 de dezembro de 2021 com Camille: Expressão de fé, aborto, Cristãos perseguidos, Dostoievski

Conheça o editorial da semana com Camille em vídeo para descobrir os assuntos que animaram a esfera cristã esta semana a partir de artigos publicados no site InfoChrétienne.

Esta semana, um assunto que surgiu em várias ocasiões é a forma como se expressa a fé dos cristãos.

Por ocasião da conferência organizada pela Fondation du Protestantisme no Palácio do Luxemburgo, na passada sexta-feira, o Presidente do Senado Gerard Larcher elogiou o trabalho dos protestantes com aqueles que são excluídos da sociedade. Uma missão que ele considera uma consequência da sua fé.

Assim, reconheceu a relevância da fé "para a ação cristã num mundo em sofrimento", afirmando que "fornece a motivação para começar, mas também carrega a mensagem de uma salvação que deve ser comunicada a todos".

Perdoar também é fundamental para expressar fé. Na verdade, nós que fomos tão perdoados pelo Senhor, como não perdoar por nossa vez?

Isto é esta mensagem de perdão que a família e os fiéis do pastor americano Verlyn Strenge quiseram transmitir durante a audiência de David Nelson, o homem que sob a influência do álcool atropelou o pastor com seu caminhão no ano passado resultando em sua morte. "Eu te perdôo David, por favor, perdoe a si mesmo" declarou a viúva do falecido.

Como cristãos, somos chamados a levar a mensagem do Evangelho por meio de ações e palavras. Precisamente, um exame conduzido pelo Conselho Nacional de Evangélicos da França (CNEF) e o Centro Evangélico está interessado em saber o que os protestantes evangélicos vivenciam em seu ambiente profissional.

Ela revela, entre outras coisas, que nem sempre é fácil testemunhar sua fé no trabalho!

Também falamos sobre o projeto de lei que visa "fortalecer o direito ao aborto" que fez seu retorno à Assembleia Nacional em segunda leitura segunda-feira.

O texto era votado pelos deputados na noite de terça para quarta-feira, 1º de dezembro com 79 a favor, 36 contra e 8 abstenções.

As medidas aprovadas pela Assembleia Nacional incluem a extensão do período de aborto de 12 para 14 semanas de gravidez, a prática do aborto instrumental por parteiras atualmente reservado aos médicos, a eliminação do período de reflexão de dois dias e a criação de um diretório de profissionais de saúde e estruturas que realizam abortos.

A retirada da cláusula de consciência do médico específica para o aborto, uma das medidas carro-chefe desse projeto de lei, não foi validada.

A aprovação final do texto é, no entanto, incerta, uma vez que, de acordo com o processo legislativo, deve ser votado pelo Senado que o rejeitou em primeira leitura em janeiro passado.

Como todas as semanas, também oferecemos um enfoque na causa dos cristãos perseguidos.

Na sexta-feira passada, o vilarejo de Ta'agbe, na Nigéria, foi atacado por homens fortemente armados. 10 cristãos foram mortos por pastores Fulani e 100 casas foram incendiadas. Sobrevivente de ataque lamenta a morte de seus netos de sua cama de hospital. “Perdi meus netos, pelo amor de Deus”, diz ela.

Um Yanuki, um pastor protestante na província chinesa de Shanxi foi preso pela polícia. Ele é acusado de ter cruzado a fronteira ilegalmente depois de uma viagem à Malásia, onde havia participado de uma conferência cristã. Ainda assim, de acordo com sua família, o pastor tinha um visto e um passaporte válido.

Domingo, 28 de novembro, o negócio de um cristão foi alvo de um tentativa em Al-Amara, Iraque. Nenhum ferido deve ser lamentado, mas este ataque "despertou terror na família e na comunidade cristã".

Ramy Kamel é um defensor dos direitos dos cristãos coptas egípcios. Acusado de terrorismo, ele foi preso em novembro de 2019 e está detido desde então. Mervyn Thomas, fundador da organização de defesa Christian Solidarity Worldwide, denuncia "uma grave injustiça" e pede sua libertação imediata.

O editorial de hoje termina com um monumento da literatura russa, Fyodor Dostoyevsky.

O livro "O Deus de Dostoievski", publicado pela Éditions Première Part, convida o leitor a descobrir a busca intelectual e espiritual deste amante de Jesus.

Um livro acessível para (re) descobrir o romancista russo essencial do século 19 e seu caminho de fé.

Camille Westphal Perrier

© Info Chrétienne - Reprodução parcial autorizada seguida de um link "Leia mais" para esta página.

APOIE A INFORMAÇÃO CRISTÃ

Info Chrétienne por ser um serviço de imprensa online reconhecido pelo Ministério da Cultura, a sua doação é dedutível no imposto de renda em até 66%.