Cristãos exigem justiça para Deborah, estudante cristã apedrejada e queimada na Nigéria

A Associação Cristã da Nigéria denuncia "o fracasso das agências de segurança e do governo em se manifestar contra esses crimes no passado que deram origem a terroristas e bandidos".

Quinta-feira, 12 de maio, no estado de Sokoto, Nigéria, um estudante cristão, Débora Samuel Yakubu foi apedrejado até a morte por dezenas de alunos da escola Shehu Shagari. A polícia diz que eles então queimaram seu corpo.

De acordo com David Ayuba Azzaman, pastor sênior da The King Worship Chapel and Ministries, Inc., cujos comentários foram divulgados pelo Morning Star News, ela foi falsamente acusada de blasfemar contra Maomé por um muçulmano cujos avanços ela recusou.

“Deborah Emmanuel estava reclamando em um bate-papo em grupo do WhatsApp sobre como eles discriminam os cristãos na escola em tarefas e testes em favor dos muçulmanos. Isso é o que eles usaram como critério para dizer que ela insultou Maomé. Ela não insultou o profeta Muhammad, mas descobriu-se que ela recusou a oferta de um muçulmano para sair com ela. Isso o levou a acusá-la de insultar o profeta Muhammad. »

A Associação Cristã da Nigéria (CAN) condena esta "ação ilegal e desprezível" e pede justiça. "Foi o fracasso das agências de segurança e do governo em se manifestar contra esses crimes no passado que deu origem a terroristas e bandidos", diz o comunicado de imprensa da associação.

A CAN pede protestos em todo o país, em 22 de maio, não nas ruas, por questões de segurança, mas em todas as secretarias da Associação Cristã da Nigéria, bem como nas igrejas, ou mesmo nas embaixadas, para os cristãos nigerianos na diáspora.

De filho côté, o bispo de Sokoto, o bispo Mathew Hassan Kukah condenou um "ato desumano", que "não tem nada a ver com religião". Ele pede “às autoridades que investiguem esta tragédia e garantam que todos os culpados sejam levados à justiça” e aos cristãos que “mantenham a calma”.

MC

Crédito da imagem: Notícias da Estrela da Manhã

© Info Chrétienne - Reprodução parcial autorizada seguida de um link "Leia mais" para esta página.

APOIE A INFORMAÇÃO CRISTÃ

Info Chrétienne por ser um serviço de imprensa online reconhecido pelo Ministério da Cultura, a sua doação é dedutível no imposto de renda em até 66%.