Conheça o testemunho edificante de um ex-prisioneiro de Belfast que se tornou pastor evangélico

Agora aposentado, o pastor irlandês David Hamilton testemunha no Christianity Today sobre sua carreira atípica. Ele revela como de "protestante", terrorista político em Belfast, se tornou cristão, durante uma estadia atrás das grades. 

David Hamilton nasceu na década de 50 em Belfast, Irlanda do Norte. Dentro um artigo para o Cristianismo Hoje, o pastor evangélico irlandês refletiu sobre a tumultuada jornada que o levou ao encontro com Deus. Um testemunho edificante!

Na juventude, conheceu um país dividido pelo violento conflito entre católicos e protestantes. E ainda adolescente, após ser espancado por um grupo de escolares católicos, o protestante toma uma decisão que o levará a um caminho destrutivo.

Ele decide se juntar a uma milícia paramilitar ilegal, os Voluntários do Ulster. Durante os anos seguintes, ele cometerá vários crimes dentro desse grupo: um atentado a bomba, um assalto a banco e vários assaltos à mão armada, antes de acabar na prisão aos 17 anos. Libertado um ano depois, ele foi rapidamente preso pela segunda vez para cumprir uma sentença de 12 anos.

A revelação

É na prisão que o futuro pastor terá uma revelação espiritual. “Eu estava preso há alguns anos quando algo fora do comum aconteceu”, relata.

Durante um serviço pré-natalino, ele leu em voz alta uma passagem da Bíblia, a pedido do capelão da prisão. “Eu li a passagem de Lucas sobre o nascimento de Jesus. Quando terminei, eu estava sorrindo! Por algum motivo desconhecido, me senti bem”, revela.

Algumas semanas depois, ele diz que encontrou um folheto evangélico em sua cela que proclamava: "Jesus Cristo está voltando em breve". Se sua primeira reação foi zombar e jogar fora o papel, então ele é tomado por um pensamento que não pode explicar: “É hora de você mudar, se tornar um cristão”. Um pensamento que primeiro a fez rir, considerando-se um "homem mau", culpado de muitos crimes.

Folheando uma Bíblia que estava em sua cela, ele começou a refletir sobre sua vida, em todas as vezes em que foi poupado da morte, percebendo que foi Deus quem o protegeu.

"De repente eu soube que queria me tornar cristão sem realmente saber como", relata o preso que foi então acompanhado em sua abordagem pela pessoa que havia colocado o folheto evangélico em sua cama, bem como pelo capelão da prisão.

Após sua libertação, David Hamilton trabalhou como evangelista para Prison Fellowship, uma organização cristã para prisioneiros, ex-prisioneiros e suas famílias. Cinco anos depois, ele começou a viajar pela Europa como evangelista itinerante. E depois de mais 12 anos, ele se tornou pastor na Inglaterra até se aposentar.

Agora de volta à Irlanda do Norte, o ex-pastor diz que continua a “evangelizar” em todo o país.

Eric Cursodon

Crédito da imagem: Shutterstock / Nieuwland Photography

© Info Chrétienne - Reprodução parcial autorizada seguida de um link "Leia mais" para esta página.

APOIE A INFORMAÇÃO CRISTÃ

Info Chrétienne por ser um serviço de imprensa online reconhecido pelo Ministério da Cultura, a sua doação é dedutível no imposto de renda em até 66%.