Casa de cristão iraquiano é bombardeada

A família do comerciante visado e a comunidade cristã mergulham no “terror” após o ataque de Al-Amara.

Domingo, 28 de novembro, o negócio de um cristão foi alvo de um ataque em Al-Amara, Iraque. Segundo fontes policiais, um explosivo caseiro foi lançado por um indivíduo em uma motocicleta. Nenhum ferido deve ser lamentado, mas este ataque "despertou terror na família e na comunidade cristã".

Um lembrete de "Violência do passado" lamentado pelo cardeal Louis Raphael Sako, que disse estar "cheio de tristeza e dor". Ele explica que “o dono da casa é dono de uma loja de bebidas e tem sido alvo de inúmeras ameaças”.

O chefe da Igreja Caldéia afirma que “o país se tornou uma selva”.

“Há a apreensão de propriedades de cristãos apesar dos esforços de algumas pessoas boas, bem como o assédio de cristãos em seu trabalho, e exclusão de seus empregos apesar da existência de uma lei para compensá-los com empregos para os cristãos. que se aposentaram ou emigraram. "

Ele deplora “o sofrimento contínuo dos cristãos”.

“Espero que todos compreendam o sofrimento contínuo dos cristãos e que os que permanecerem não sejam obrigados a emigrar. "

MC

© Info Chrétienne - Reprodução parcial autorizada seguida de um link "Leia mais" para esta página.

APOIE A INFORMAÇÃO CRISTÃ

Info Chrétienne por ser um serviço de imprensa online reconhecido pelo Ministério da Cultura, a sua doação é dedutível no imposto de renda em até 66%.