“Aqueles protestantes que ousam”: mulheres em destaque no jantar protestante

protestantes_dare_women_honor_dinner_protestants

Segunda-feira, 27 de novembro, o Palais de la Femme de Paris acolheu o jantar protestante organizado pelo Círculo Charles-Gide. O tema desta terceira edição, “Essas protestantes que ousam”, colocou as mulheres em destaque. 

O Jantar Protestante aconteceu na segunda-feira, 27 de novembro, no Palácio das Mulheres do Exército da Salvação. “Aqueles protestantes que ousam” foi o tema da terceira edição desta noite filantrópica anual que reúne obras e instituições protestantes, na presença de autoridades estatais. Este ano estiveram presentes a Ministra da Igualdade entre Mulheres e Homens, Bérangère Couillard e a Vice-Presidente da Assembleia Nacional, Valérie Rabault.

O lugar “essencial” das mulheres protestantes

Ontem, Marie Dentière, Berty Albrecht, Blanche Peyron ou mesmo Eugénie Bost, hoje Valérie Duval-Poujol, Françoise Caron, Jema Taboyan, Chantal Barry ou mesmo Marie Orcel.  

Aqui estão os nomes de algumas das mulheres homenageadas nesta noite. Mulheres protestantes de ontem e de hoje comprometidas com o bem comum, na Igreja ou na sociedade civil, que nos lembram, como destacou o presidente da Federação Protestante da França (FPF), Christian Krieger, que o lugar das mulheres “não é incidental, mas essencial ". 

“A mensagem é clara para fazer a sociedade avançar, precisamos de vocês, senhoras!”

"O que seria do protestantismo sem a Cimade fundada por Suzanne de Dietrich? Sem o 'resist' de Marie Durant? Sem a defesa dos direitos das mulheres de Madeleine Barot? E o que seria do protestantismo eclesial sem a pastoral feminina?" quis “expressar uma palavra de gratidão a todas estas mulheres”. 

"Obrigado pela sua lealdade; obrigado por estar presente quando uma necessidade exige um gesto de empatia; obrigado pelo seu sentido particular de coletividade; obrigado pela sua energia ao serviço da melhoria da sociedade. Que todos, seja qual for o seu lugar de compromisso, na Igreja, na sociedade civil, possa ouvir neste modesto agradecimento, uma profunda e sincera palavra de gratidão”.

Crie pontes

Evocando no seu discurso, “os actos terroristas bárbaros de 7 de Outubro e a luta de Israel para se defender e lutar contra o Hamas”, Christian Krieger sublinhou também o surgimento de “tensões insuspeitadas” no nosso país, “opondo-se por um lado aos sensíveis à a situação dos judeus em França e a legitimidade do Estado de Israel e, por outro lado, aqueles que são sensíveis à causa dos palestinianos.

Ele acredita que neste contexto, “o protestantismo carrega uma voz única” graças à sua diversidade e à sua capacidade de criar pontes. Se voltou a homenagear as mulheres na sua conclusão, afirmando que são “atrizes que fazem avançar as coisas”, o presidente da FPF quis enviar uma mensagem a todos os protestantes. Ele os exortou a “ousar juntos, a construir juntos”.

"Desafios importantes nos chamam, na Igreja e na sociedade. Ao unir forças, estaremos mais aptos a construir um futuro promissor, onde a igualdade, a diversidade e a justiça prevalecerão."

Porque o objetivo deste encontro anual é também oferecer uma plataforma para o discurso protestante no debate público e destacar o seu impacto na sociedade francesa.

Além disso, o jantar tem um objetivo filantrópico, uma vez que as doações arrecadadas durante a noite serão utilizadas para apoiar uma obra social comprometida em ajudar os mais vulneráveis. A obra que receber recursos será selecionada para o Prêmio Charles Gide. Este ano, devido ao tema do evento, o júri anunciou que estaria “particularmente atento aos projetos liderados por mulheres” ou que visem apoiá-las. 

Camille Westphal Perrier

Crédito da imagem: Corinne Simon

Na categoria Sociedade >



Notícias recentes >

Cultura , Todos os artigos , Atualidades

“Ele terá transportes de alegria para você”: Nosso culto na Présence Protestante com o Pastor Jethro Camille e Paul Olivier em louvor

Todos os meses, no 4º domingo do mês, a Présence Protestante (França 2) oferece aos telespectadores um programa denominado “Nosso culto”. Domingo, 25 de fevereiro, este culto será conduzido pelo Pastor Jethro Camille que pregará sobre o Livro de Sofonias.

Ícone de relógio cinza contornado