Assassinato do filho de um evangelista: "Mate-nos, saiba que estamos prontos"

Em Uganda, o filho de um evangelista foi assassinado por extremistas muçulmanos enquanto pescava em seu barco.

Dante Tambika é filho de um evangelista em Uganda. Em 31 de agosto, enquanto estava em seu barco de pesca com seus amigos, ele foi vítima de um violento ataque de extremistas muçulmanos.

Mukama estava no barco com Tambika. Ele diz que eles foram ameaçados pela primeira vez por muçulmanos enquanto caminhavam em direção ao barco.

“Eles tentaram nos provocar chamando-nos de infiéis e dizendo que iam nos esmagar como Alá fez com aqueles que atacaram seu profeta Maomé. "

Os homens continuaram sua jornada apesar das ameaças, foram para o barco e começaram a pescar. Duas horas depois, os jovens que os ameaçaram começaram a gritar: "Allah Akbar". Foi então que seis outros muçulmanos se aproximaram deles.

Mukama compreendeu imediatamente o perigo e encorajou seus companheiros a orar. Dante Tambika então recebeu o primeiro golpe.

“Ele ordenou que acreditássemos em Alá, caso contrário, eles nos matariam. Dante respondeu que não podemos renunciar ao cristianismo, dizendo: 'se você quer nos matar, mate-nos, saiba que estamos prontos'. "

Mukama explica que eles foram espancados com varas antes de escaparem enquanto nadavam. Mas Dante Tambika não sabia nadar.

“Outros pularam em nosso barco e começaram a nos espancar com paus. Eu pulei do barco e nadei para a costa. Fui seguido por meus outros dois amigos que sabiam nadar. Infelizmente, Dante foi deixado nas mãos dos atacantes porque não sabia nadar. "

Quando chegaram à praia, os amigos pediram ajuda para resgatar Tambika. Mas era tarde demais. Seu corpo foi encontrado no dia seguinte. Ele havia sido espancado, amarrado e estrangulado, de acordo com Mukama.

O assassinato foi denunciado à polícia. A família de Mukama contratou um advogado para se defender.

MC
Fonte: Notícias da Estrela da Manhã

Crédito da imagem: Vlad Karavaev / Shutterstock.com.
Um homem prega nas ruas de Kampala, em Uganda.

© Info Chrétienne - Reprodução parcial autorizada seguida de um link "Leia mais" para esta página.

APOIE A INFORMAÇÃO CRISTÃ

Info Chrétienne por ser um serviço de imprensa online reconhecido pelo Ministério da Cultura, a sua doação é dedutível no imposto de renda em até 66%.