Quando o medo nos impede de seguir em frente...

shutterstock_1360242140.jpg

A maioria de nossos medos se enquadra em duas categorias: medo de não receber e medo de perder.

A preocupação é universal, mesmo que saibamos com certeza que não vai melhorar nosso estado de espírito! A ansiedade que começa com um pequeno buraco em nossa cabeça abre um abismo que atrai todos os nossos pensamentos para ela. Isso pode nos aleijar e realmente atrapalhar nossa caminhada com Deus.

A dimensão divina

Muitas de nossas ansiedades se resumem a uma pergunta: "E se eu não conseguir?" " Porém, se soubéssemos com certeza que sempre estaremos à altura da tarefa, essa questão não surgiria mais. Muito simplista? Não se mantivermos a dimensão divina.

A Bíblia contém declarações radicais de fé: “Tudo posso naquele que me fortalece”, ou “Não se preocupe com nada; mas, em tudo, fazei conhecer a Deus os vossos pedidos ”. Este último versículo está “imprensado” entre “Alegrem-se sempre no Senhor” e “A paz de Deus guardará o seu coração e o seu entendimento”. Não seria essa a abordagem certa a seguir: alegrar-se, tranqüilizar-se, descansar?

O preço a pagar

Às vezes, mudanças são necessárias. No entanto, a mudança pode ser dolorosa, especialmente se um funcionamento estiver ancorado. Até certo ponto, nossa identidade e nossa segurança são definidas em relação a uma determinada rotina. Também é doloroso ter que abandonar aqueles que nos impedem de fazer tal processo. No entanto, este é o preço a pagar. Deus nos segurando pela mão para nos levar a uma mudança: este é todo o suporte de que precisamos.

Ajuda de deus

“No dia em que estou com medo, é em você que confio. Não tenho medo: o que os humanos poderiam fazer comigo? ”(Salmos 56,4-5).

Não nos esqueçamos: nosso verdadeiro inimigo não é a tarefa que temos pela frente, é o medo. Mas Deus tem um plano para cada um de nós. Ele nos dá coragem para agir.

Vamos identificar o que nos assusta, se é uma postura importante, um telefonema difícil, um traço de caráter a mudar, e pedir a ajuda de Deus para fazer as mudanças necessárias. Não vamos esquecer que você tem que agir primeiro antes de saborear o descanso e a confiança.

Se pudermos analisar a situação e entender qual poderia ser o pior resultado, não seremos mais vítimas de nossos medos. Só então podemos começar a encontrar uma solução, mesmo que tenhamos que deixar tudo nas mãos do especialista, nosso Deus amoroso. Estamos livres do medo e podemos seguir em frente com energia renovada.

Encontre mais artigos sobre Espiritualidade, a revista que reúne mulheres cristãs do mundo de língua francesa. 

Artigo publicado originalmente em 21 de dezembro de 2021


Artigos recentes >

Resumo das notícias de 31 de março de 2023

ícone de relógio cinza contornado

Notícias recentes >