A iraniana Padina, pronta para o suicídio, deixou Jesus por uma semana para se dar a conhecer a ela

No Irã, a perseguição aos cristãos continua. Os crentes sempre correm o risco de prisão ou morte. Mesmo assim, a mensagem do evangelho continua a progredir e a igreja clandestina trabalha com paixão.

O A história de Padina e sua mãe não é recente, mas nunca a contamos no Info Chrétienne. Convidamos você a descobri-lo ou redescobri-lo hoje. Padina se converteu a Jesus com sua mãe, em condições extraordinárias. Ela agora trabalha no Irã, com aÉigreja subterrânea. Você pode ouvir sua voz e seu testemunho, em um vídeo de rádio  Voz dos Mártires.

Padina mora no Irã, é uma muçulmana devota e consagrada, memoriza o Alcorão, observa todos os preceitos, cresce no ódio aos cristãos, convicta de que o assassinato de um cristão é uma passagem só de ida para o céu.

Apesar de sua devoção, a jovem está deprimida e suicida. Ela se sente distante de Allah. Sua mãe sofre de esclerose e espera a morte em sua cama. Padina anuncia-lhe um dia que pretende acompanhá-lo na morte e suicidar-se. Sua mãe não consegue encontrar palavras para dissuadi-lo.

Acamada, sua mãe um dia assiste ao programa de um evangelista de televisão. Ela é desafiada por estas palavras:

“Há esperança e um futuro para você. Se você tem planos de acabar com sua vida, pare e me ligue. ”

É o que a doente decide fazer. Ela liga para o programa e mantém uma conversa de 30 minutos com o palestrante, após a qual fará uma oração de arrependimento. Louca de raiva, Padina pede que ele pare.

“Por que você está fazendo isso nos últimos segundos de sua vida? Você vai para o inferno. ”

Após uma recusa, Padina concorda em falar com o evangelista e declara que Jesus nada pode fazer por ela.

“Allah não fez nada por você. Dê uma chance a Jesus, dê a ele uma semana e se ele não fizer nada, você pode se matar na próxima semana. ”

Ela aceita o desafio, planejando acabar com sua vida, viver no show da semana seguinte.

“Esta será a melhor maneira de servir a Allah. Eu virei, direi a todos que Jesus não fez nada e virei e me matarei diretamente. Serei capaz de dizer a Alá que danifiquei minha vida por ele. ”

Quando ela acordou na manhã seguinte, sua mãe não estava mais na cama, mas ela caminhava normalmente. As duas mulheres decidem então ir para o hospital. Não há mais evidências de esclerose nos exames ... Ela se foi. Jesus se revelou a Padina.

Hoje Padina e sua mãe são apóstatas. Eles negaram a fé muçulmana para seguir Jesus. Eles arriscam suas vidas por isso. Mas eles servem ao Senhor na igreja subterrânea no Irã.

Descubra em inglês a reconstrução da história de Padina.

O editorial

© Info Chrétienne - Reprodução parcial autorizada seguida de um link "Leia mais" para esta página.

APOIE A INFORMAÇÃO CRISTÃ

Info Chrétienne por ser um serviço de imprensa online reconhecido pelo Ministério da Cultura, a sua doação é dedutível no imposto de renda em até 66%.