Editorial de Camille de 19 de janeiro de 2022: Índice Global de Perseguição Cristã 2022

A cada ano, a ONG Portes Ouvertes publica seu Índice Mundial de Perseguição aos Cristãos.

A organização publicou a edição 2022 do Index nesta quarta-feira, 19 de janeiro, no início da tarde, relata figuras de grande tristeza que devem nos desafiar!

O Índice revela que entre 1º de outubro de 2020 e 30 de setembro de 2021, mais de 360 ​​milhões de cristãos foram fortemente perseguidos ou discriminados em todo o mundo, um aumento de 24% em relação ao ano anterior. Isso representa 1 em cada 7 cristãos.

O Afeganistão está no topo do ranking, com a chegada do Talibã ao poder em agosto passado, o nível de violência contra os cristãos explodiu. Neste país asiático, “os cristãos que não foram mortos estão escondidos, as igrejas secretas não correm mais o risco de se reunir. Tornou-se ainda mais difícil para os cristãos deixar o país para salvar suas vidas”.

A Nigéria é novamente o país onde mais cristãos são mortos por causa de sua fé. Além disso, 5 cristãos foram mortos em todo o mundo durante o período observado pelo Portas Abertas, um aumento de 898% em relação ao Índice de 24.

A notícia do dia nos oferece precisamente um foco em dois países onde os cristãos são perseguidos. 

O primeiro é o Paquistão, (oitavo no Índice de Portas Abertas de 8), onde Zafar Bhatti, um cristão acusado de enviar mensagens de texto blasfemas e detido desde 2022. Primeiro condenado à prisão em vida, foi finalmente condenado à morte em 2012 de janeiro pelo Tribunal de magistrados paquistaneses em Rawalpindi.

Na segunda-feira, a agência de notícias ANI revelou que "a Finlândia condenou o Paquistão por ter condenado à morte um homem acusado de blasfêmia"..

Assim como Myanmar, (12º classificado no Índice de 2022), onde Ataque do exército de Mianmar em campos de refugiados mata 3 civis, incluindo uma menina de 7 anos. As vítimas citadas vieram todas da aldeia de Moso, local do “massacre de Natal” onde os corpos carbonizados de pelo menos 35 civis, todos católicos, foram encontrados em 24 de dezembro.

Enquanto estamos no início do Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos que acontece de 18 a 25 de janeiro, unamos nossas vozes para rezar juntos pelos cristãos que sofrem em todo o mundo. Rezemos por sua proteção e que diante da perseguição, possam permanecer unidos.

Rezemos também pela unidade dos cristãos em geral, pois este é o significado deste evento anual cujo tema este ano está centrado em Mateus 2 versículo 2:

“Vimos sua estrela no Oriente e viemos homenageá-lo. »

Camille Westphal Perrier

© Info Chrétienne - Reprodução parcial autorizada seguida de um link "Leia mais" para esta página.

APOIE A INFORMAÇÃO CRISTÃ

Info Chrétienne por ser um serviço de imprensa online reconhecido pelo Ministério da Cultura, a sua doação é dedutível no imposto de renda em até 66%.