Morto no ataque a uma casa de repouso para religiosos, o suspeito continua foragido

Os fatos ocorreram ontem à noite em Montferrier-sur-Lez, no Hérault, no asilo "Les chênes verte", estabelecimento para religiosos e religiosas da Sociedade das Missões Africanas.

ENo início da noite, ontem, quinta-feira, 24 de novembro, um homem encapuzado teria entrado no asilo. Uma funcionária do estabelecimento amarrada teria conseguido se libertar e soar o alarme uma hora após a intrusão. O suspeito, cujos motivos ainda não são conhecidos, conseguiu escapar. A polícia ainda está procurando por ele esta manhã.

No local, os sessenta moradores estão ilesos. Infelizmente, um funcionário foi encontrado morto. As circunstâncias de sua morte ainda não são conhecidas, mas pelo Twitter o porta-voz da Conferência Episcopal Francesa, Dom Ribadeau Dumas. É uma homenagem ao funcionário desaparecido e convida ao recolhimento e à oração.

Esta manhã, o suspeito ainda está foragido.

O editorial

© Info Chrétienne - Reprodução parcial autorizada seguida de um link "Leia mais" para esta página.

APOIE A INFORMAÇÃO CRISTÃ

Info Chrétienne por ser um serviço de imprensa online reconhecido pelo Ministério da Cultura, a sua doação é dedutível no imposto de renda em até 66%.